Capa

Senna inspira jovens pilotos até hoje, diz novo piloto de testes da McLaren, Sérgio Sette Câmara

Em entrevista ao Senna TV, piloto mineiro comenta sobre o legado do tricampeão mundial - que conquistou seus três títulos pela McLaren - e a oportunidade de aprender na principal categoria de automobilismo mundial

04.12.2018  |  237 visualizações

Destaque nas pistas da Fórmula 2, Sérgio Sette Câmara é o novo piloto de testes da McLaren para 2019 na F-1, sendo o primeiro brasileiro a testar oficialmente um carro da equipe neste século. No Senna TV, canal oficial de Ayrton Senna nas redes sociais, o piloto mineiro foi o convidado do quadro “No Paddock”, onde ele comenta sobre as qualidades de Senna como atleta.

Confira o vídeo completo 

“O Ayrton é o meu grande ídolo. Ele levou muitas coisas para o esporte, foi um pioneiro. Ele que mostrou que para um piloto não bastava só sentar e dirigir, tinha que ser um atleta, tinha que saber falar. E além do mais, era um grande piloto, talvez o maior de todos. Um talento realmente especial. Ele é uma imagem de superação, dedicação e de não ter medo de inovar. Então, espero poder fazer algo parecido. Não no sentido de me comparar a ele, mas de pensar fora da 'casinha' e ser diferente”, diz Sette Câmara.

O piloto mineiro também comentou sobre o patriotismo de Senna, que tradicionalmente levantava a bandeira do Brasil após suas vitórias. “É uma das coisas pela qual o Ayrton é muito lembrado e eu admiro ele muito ele por isso, de ele pegar a bandeira, querer representar o País, querer mostrar que é brasileiro. É uma coisa que, se eu tivesse a oportunidade, eu faria, muito porque o Ayrton passou essa mensagem para os jovens pilotos e, com certeza, eu a entendi”, diz Câmara.

Sobre a McLaren, Câmara diz que estar associado a uma equipe de ponta é emocionante depois de tanto esforço e trabalho desde o kart até os seus pódios na F2. “É uma grande oportunidade estar associado com essa equipe, que tem engenheiros de ponta, pessoas para me ensinar, uma equipe que me abraçou muito bem, me recebeu bem. Então, isso é importante, se sentir querido dentro da equipe, mais ainda na McLaren. Eu fico muito feliz”, completa Câmara, citando o time por onde Senna conquistou seu três títulos mundiais em 1988, 1990 e 1991.

Sobre o Instituto Ayrton Senna

Há mais de 20 anos, o Instituto Ayrton Senna contribui para ampliar as oportunidades de crianças e jovens por meio da educação. Nossa missão é desenvolver o ser humano por inteiro, preparando para a vida no século 21 em todas as suas dimensões. Impulsionados pela vontade do tricampeão de Fórmula 1 Ayrton Senna de construir um Brasil melhor, atuamos em parceria com gestores públicos, educadores, pesquisadores e outras organizações para construir políticas e práticas educacionais baseadas em evidências. Estamos em permanente processo de inovação, continuamente investigando novos conhecimentos para responder aos desafios de um mundo em constante transformação.

Partindo dos principais desafios da educação identificados por gestores e educadores com quem trabalhamos no dia a dia, produzimos, sistematizamos e validamos conhecimentos críticos para o avanço da qualidade da educação, em um trabalho conjunto com as redes públicas de ensino. Todo o conhecimento produzido é compartilhado com mais atores por meio de iniciativas de formação, difusão, cooperação técnica e transferência de tecnologia.

Nossas ações são financiadas por doações, recursos de licenciamento e por parcerias com a iniciativa privada. Considerando iniciativas voltadas para o Ensino Fundamental e o Ensino Médio, estamos em 16 Estados e aproximadamente 600 municípios, apoiamos a formação de cerca de 45 mil profissionais por ano e beneficiamos a educação de mais de 1,5 milhão de alunos anualmente. www.institutoayrtonsenna.org.br

  • Sérgio Sette Câmara
    (Divulgação/Instituto Ayrton Senna)

  • Sérgio Sette Câmara no Senna TV
    (Reprodução/Instituto Ayrton Senna)

Leia também...

Entre em contato