Capa

Jovem talento do kart, Miguel Costa disputa WSK em busca de novos títulos na Europa

Aos 10 anos, piloto brasileiro segue impressionando em sua rápida adaptação ao kartismo europeu e disputa neste final de semana o WSK Open Cup em Castelletto, Itália

05.11.2019  |  1.062 visualizações

Os principais nomes do kartismo mundial estarão novamente em ação neste final de semana em Castelletto, na Itália, onde será disputada o WSK Open Cup. Na categoria Mini, de pilotos de 9 a 12 anos, um dos grandes destaques é o brasileiro Miguel Costa, que tem chamado a atenção na Europa por sua rápida adaptação aos campeonatos que reúnem a elite mundial do kart.

O jovem piloto compete pela equipe oficial Kart Republic, comandada pelo experiente preparador italiano Dino Chiesa, responsável por carreiras de sucesso no kart como Lewis Hamilton e Nico Rosberg, citando dois últimos campeões mundiais de F1. A parceria já rendeu títulos para o brasileiro na temporada 2019, inclusive no campeonato de kart italiano, em que Costa foi o campeão entre os rookies (novatos), com três vitórias no ano.

“Esta tem sido uma temporada incrível para a gente na Europa, onde iniciamos nossas competições há um ano e conseguimos grandes resultados logo em nossa estreia, como o título do campeonato italiano”, diz Costa, que também teve destaque neste ano em Le Mans, ao terminar em quinto lugar entre os 85 participantes do Mundial.

O ano passado foi o de estreia do jovem brasileiro na categoria Mini. Disputando seu primeiro Mundial ROK de kart, Miguel Costa venceu uma das baterias e ficou em 29º lugar entre os 160 pilotos participantes. Neste ano, evolui ainda mais e foi 16º.

O bom ano de estreia na Europa coroou as fortes expectativas depois de uma série de conquistas nos Estados Unidos. Em 2016, Miguel Costa foi campeão da categoria Micro com seis vitórias e sete poles. Ele também se sagrou vice-campeão na ROK Cup com uma vitória, repetindo esta colocação no ano seguinte (2017), desta vez com duas vitórias.

“Comecei bem cedo no kart, com 4 anos, e meu sonho é correr em uma grande categoria como a F1. Por isso, fiz de tudo para vir para a Europa o mais cedo possível para que a gente possa trilhar esta carreira internacional. Tenho orgulho em estar em um time incrível como a Kart Republic, que me dá chances de brigar por ótimos resultados, e a experiência do Dino Chiesa me ajuda muito”, diz Costa, que tem patrocínio de Baked Potato e Participa.

O WSK em Castelletto começa nesta quinta-feira (7) com os treinos livres de todas as categorias e as Finais estão marcadas para domingo (10).

Conheça a jovem carreira do piloto brasileiro Miguel Costa:

2011: Aos 2 anos, Miguel Costa ganha seu primeiro carro elétrico do pai

2012: Com apenas 3 anos, Costa acelera seu primeiro kart

2013: Costa começa a pilotar um kart de categoria profissional (Cadete) com 4 anos

2015: Nos EUA, Costa conquista o 3º lugar no Homestead Championship

2016: Com 7 anos, Costa é campeão da categoria Micro com 6 vitórias e 7 poles. Ainda garantiu o vice-campeonato da ROK Cup com uma vitória.

2017: Costa é vice-campeão novamente da ROK Cup, desta vez com 2 poles e 2 vitórias. Conquista também o vice no Vegas Supernats, sendo o mais jovem vencedor de sua categoria nos EUA com apenas 8 anos.

2018: Sobe para a categoria Mini e segue conquistando pódios nos campeonatos americanos. Ainda no mesmo ano, disputa seu primeiro Mundial ROK de kart com apenas 9 anos, vence uma bateria e chega na final em 29º lugar entre os 160 pilotos.

2019: Faz sua primeira temporada completa na Europa. Campeão rookie do Campeonato Italiano com 3 vitórias e um terceiro lugar. No Mundial Rok, termina em 16º (de 140 pilotos) e em Le Mans fica em 5º lugar (entre 85 participantes).

Leia também...
19.11.2019

Fabricante de chassis Thunder Technology conquistou quatro títulos: Graduados, Júnior, F4 Graduados e Sênior B, levando ainda três pole positons no final de semana

19.11.2019

Etapa decisiva da temporada terá 17 baterias sendo disputadas no Kartódromo Granja Viana neste sábado; Pro-500 terá corrida com 3 horas de duração para pilotos se prepararem para as 500 Milhas de Kart

18.11.2019

Piloto brasiliense esteve entre os 10 primeiros colocados em três das quatro baterias classificatórias na Itália; principal liga de kart da Europa retorna em janeiro de 2020

18.11.2019

Piloto pernambucano foi um dos destaques no WSK Final Cup com dois top-5, um sétimo lugar na pré-final e fechou o campeonato entre os 15 melhores da categoria OK; WSK retorna em janeiro de 2020 na Itália