Capa

Rally Spinelli

Mesmo com 2 pneus furados, Guiga Spinelli e Youssef Haddad seguem entre os primeiros no Sertões

Etapa maratona foi complicada para dupla da Spinelli Racing, mas time segue na quarta colocação geral dos carros ao final da etapa 2

02.11.2020  |  371 visualizações

A etapa maratona, na qual a equipe de apoio é impedida de fazer manutenção no carro (somente piloto e navegador são autorizados), foi uma das mais desafiadoras para a dupla pentacampeã do Sertões, o piloto Guiga Spinelli e o navegador Youssef Haddad, que competem com uma Mitsubishi L200 Triton Sport Racing.

Em dois momentos distintos da prova, os dois tiveram que trocar pneus no meio do trecho cronometrado e, mesmo com os reveses, conseguiram se manter entre os líderes da competição, na quarta colocação geral entre os carros, com o tempo de 9 horas e 35 minutos.

“Foi um dia bem difícil para gente, sofrendo com a instabilidade nos trechos cronometrados. Em um momento, freei na lama e acertei uma das colunas de uma porteira e tivemos um pneu furado e a suspensão traseira também entornou. Trocamos o pneu e seguimos a prova, mas em outro momento furou um segundo pneu e perdemos ainda mais tempo, porque a pistola rápida que tira os parafusos não funcionou. Perdemos cerca de dez minutos com estes episódios, mas pelo menos seguimos entre os quatro primeiros e o carro no geral está bem”, diz Guiga, que é patrocinado por BR Distribuidora com a marca Lubrax, iCarros, XP Investimentos, Mitsubishi Motors, Fairfax Seguradora, Protune, Dacar Motorsports e W.Truffi Blindados.

Como o Sertões está numa etapa maratona, o próprio piloto e navegador vão trabalhar no carro hoje para a largada da especial desta terça-feira. “Vamos tentar corrigir um pouco do que ficou torto da suspensão, mas em todo caso temos confiança de que podemos ir bem e recuperar o tempo perdido na segunda perna da maratona amanhã”, diz Youssef, que esteve ao lado de Guiga no Sertões nas cinco conquistas da dupla (em três delas como navegador e em duas como engenheiro-chefe do carro).

O Sertões 2020 saiu do interior de São Paulo, na Fazenda Velocitta, em Mogi Guaçu, e já atravessou também Minas Gerais, Goiás e o Distrito Federal. O destino final é Barreirinhas, no Maranhão, com chegada no dia 7 de novembro depois de um trajeto de quase 5.000 quilômetros.

Classificação geral - Carros - Sertões (após etapa 2). Top-5

1. C Baumgart/B Andreotti, 9h10m20s

2. M Baumgart/K Cincea, a 1min19s

3. S Barros/R Capoani, a 15m51s

4. G Spinelli/Y Haddad, a 24m39s

5. L Moraes/K Bentivolgio, a 27m10s

 

Leia também...
20.11.2020

Atual pentacampeão do Sertões destacou necessidade de mudança de time em última hora por conta de desafios logísticos para Dakar, que será realizado entre os dias 3 e 15 de janeiro de 2021 na Arábia Saudita

06.11.2020

Guilherme Spinelli e Youssef Haddad participariam dos dois últimos dias da competição como forma de teste para o Dakar, após uma quebra tirar as chances de um bom resultado em 2020; porém, com o cancelamento de hoje, time optou pelo foco na sede em São Paulo

05.11.2020

Piloto tocantinense disputaria competição com a equipe RMattheis, mas acabou testando positivo após contrair o vírus no final de semana das 24 Horas de Spa, na Bélgica

04.11.2020

Guiga Spinelli e Youssef Haddad sofreram uma quebra na suspensão nesta quarta-feira (4), que impediu o Mitsubishi L200 Triton Sport Racing de seguir na disputa pelo título do Sertões