Capa

Stock Car - Paulista Digital

Gabriel Casagrande vence com equipe RMattheis e entra na briga pelo título da Stock Car

Piloto paranaense foi novamente um dos maiores pontuadores do final de semana ao vencer a prova 2 e com isso subiu na classificação do campeonato para o sétimo lugar, a 37 pontos do líder já considerando os descartes; Andreas e Rodolpho Mattheis venceram 100% das provas em Curitiba

08.11.2020  |  464 visualizações

Pai e filho dominaram as três vitórias em Curitiba na Stock Car com suas equipes: enquanto Thiago Camilo, chefiado por Andreas Mattheis, venceu a etapa de sábado e a prova 1 de hoje, na corrida 2 foi a vez de Gabriel Casagrande levar a melhor e vencer com a RMattheis, comandada por Rodolpho, filho de Andreas.

Com o resultado, o paranaense volta a brigar pelo título da principal categoria do automobilismo nacional. Ele chegou em décimo lugar na prova 1 e conquistou a pole para a segunda etapa da rodada dupla, sendo um dos maiores pontuadores da rodada, a exemplo do que já havia feito em Londrina, Cascavel e Velocitta. Agora, ele é o sétimo na tabela com 175 pontos e, considerando os três descartes obrigatórios, ele está a 37 pontos do líder, Camilo. Na prova final, em São Paulo, 60 pontos estarão em jogo.

“A equipe foi fantástica, quero muito dedicar esta vitória a todos da RMattheis por terem feito um trabalho incrível, tanto no pit stop quanto no carro. Ontem a gente teve dificuldades, mas conseguimos um bom ritmo hoje para vencer a prova 2. O Nelsinho (Piquet) vinha com quatro pneus novos, mas consegui administrar a vantagem e subir no campeonato”, diz Casagrande. “Sabemos que teremos duas etapas que não são tão boas para o Chevrolet, como Goiânia e Interlagos, com grandes retas, mas vamos seguir lutando”, completou.

Rodolpho Mattheis destacou a grande fase da equipe. “Que semana intensa, muitas conquistas no Endurance Brasil e no Sertões e agora três provas da Stock Car em Curitiba e terminando o domingo com a vitória do Gabriel (Casagrande). Ele guiou muito e mostrou maturidade e frieza na corrida. A gente não tinha um ritmo bom na prova 1, então a estratégia de priorizar a 2 e sair na pole deu certo. O ritmo foi muito forte, conseguimos uma vantagem de quatro segundos antes do pit e mesmo quem tinha pneus novos não alcançou a gente”, disse Rodolpho, que celebrou a vitória também ao lado do pai, Andreas.

“Foi um final de semana perfeito para os times Mattheis, eles vencendo uma ontem e hoje e a gente fechando também com o primeiro lugar na prova 2 deste domingo. Todos sabem de minha admiração e respeito ao trabalho do meu pai (Andreas) e é ótimo celebrar com ele no topo do pódio. Fico feliz também de voltar a brigar pelo campeonato, não será fácil, mas como a etapa final tem pontos dobrados, com 60 em jogo, tudo pode acontecer”, diz Rodolpho.

Ao final no pódio, os dois times vencedores comandado por pai e filho se confraternizaram no pódio. A etapa de Curitiba também foi marcada por diversas homenagens ao piloto e chefe da Hot Car Amadeu Rodrigues, que faleceu no último sábado vítima de um acidente automobilístico.

Com um carro com as cores do Flamengo, que comemora 125 anos de fundação hoje, Pedro Cardoso marcou mais pontos no campeonato para a equipe RMattheis ao chegar em 13o na prova 1. A ação faz parte da ativação e da homenagem do Banco BRB, através do Nação FLA BRB, aos 125 anos do Clube de Regatas Flamengo.

A Stock Car volta para as pistas daqui duas semanas em Goiânia, para mais três corridas que marcaram a antepenúltima e penúltima etapa da temporada 2020. Depois, a grande final será em corrida única em Interlagos, São Paulo, no dia 13 de dezembro.

Resultado de hoje em Curitiba (Prova 2 - domingo):

1º - Gabriel Casagrande (R. Mattheis/Chevrolet Cruze) - 23 voltas
2º - Nelson Piquet Jr. (Full Time Bassani/Toyota Corolla) - a 1s308
3º - Daniel Serra (Eurofarma RC/Chevrolet Chevrolet Cruze) - a 5s585
4º - Rubens Barrichello (Full Time Sports/Toyota Corolla) - a 6s638
5º - Ricardo Zonta (RCM Motorsport/Toyota Corolla) - a 7s362
6º - Ricardo Maurício (Eurofarma RC/Chevrolet Cruze) - a 12s206
7º - Thiago Camilo (Ipiranga Racing/Toyota Corolla) - a 12s986
8º - Julio Campos (Crown Racing/Chevrolet Cruze) - a 14s403
9º - Diego Nunes (Blau Motorsport/Chevrolet Cruze) - a 14s664
10º - Lucas Foresti (Vogel Motorsports/Chevrolet Cruze) - a 16s476
11º - Matías Rossi (Full Time Sports/Toyota Corolla) - a 16s789
12º - Galid Osman (Shell V-Power/Chevrolet Cruze) - a 21s045
13º - Felipe Lapenna (Vogel Motorsports/Chevrolet Cruze) - a 21s386
14º - Marcos Gomes (Cavaleiro Sports/Chevrolet Cruze) - a 21s535
15º - Átila Abreu (Shell V-Power/Chevrolet Cruze) - a 22s112
16º - Cacá Bueno (Crown Racing/Chevrolet Cruze) - a 22s164
17º - Rafael Suzuki (Full Time Bassani/Toyota Corolla) - a 23s578
18º - Cesar Ramos (Ipiranga Racing/Toyota Corolla) - a 25s345
19º - Pedro Cardoso (R. Mattheis/Chevrolet Cruze) - 29s335
20º - Tuca Antoniazi (Hot Car/Chevrolet Cruze) - a 5 voltas
 
Não completaram
Allam Khodair (Blau Motorsport/Chevrolet)
Bruno Baptista (RCM Motorsport/Toyota Corolla)
Gaetano di Mauro (KTF Sports/Chevrolet Cruze)
Guilherme Salas (KTF Sports/Chevrolet Cruze)
Denis Navarro (Cavaleiro Sports/Chevrolet Cruze)

Classificação do campeonato após nove etapas

1º - Thiago Camilo - 222 pontos
2º - Ricardo Zonta - 198
3º - Rubens Barrichello - 196
4º - Ricardo Maurício - 193
5º - Daniel Serra - 190
6º - Cesar Ramos - 188
7º - Gabriel Casagrande - 175
8º - Allam Khodair - 157
9º - Nelsinho Piquet - 149
10º - Diego Nunes - 140
11º - Julio Campos - 139
12º - Guilherme Salas - 134
13º - Átila Abreu - 134
14º - Rafael Suzuki - 133
15º - Bruno Baptista - 121
16º - Cacá Bueno - 107
17º - Matías Rossi - 107
18º - Denis Navarro - 102
19º - Lucas Foresti - 79
20º - Galid Osman - 77
21º - Marcos Gomes - 59
22º - Gaetano di Mauro - 56
23º - Pedro Cardoso - 54
24º - Tuca Antoniazzi - 31
25º - Vitor Genz - 11
26º - Vitor Baptista - 8
27º - Felipe Lapenna - 8

Sobre a equipe RMattheis

A equipe RMattheis foi criada em 2012 com a parceria de Rodolpho Mattheis e seu pai Andreas, dois dos chefes de equipes mais vitoriosos da Stock Car atual. A equipe de Petrópolis (RJ) sempre contou com pilotos de histórico vencedor no grid, conquistando seus primeiros triunfos ainda no ano de criação do time.

Justamente por conta dos bons resultados e desenvolvimento técnico na categoria, a RMattheis teve sempre apoio de grandes patrocinadores ao longo de suas oito temporadas completas. Com 7 vitórias, 31 pódios e 4 poles, é um dos times mais respeitados e tradicionais do grid. Em 2020, a equipe tem os pilotos Gabriel Casagrande e Pedro Cardoso comandando os carros da equipe. Em paralelo, a RMattheis também chega ao rally no Sertões e acelera no Império Endurance Brasil.

Leia também...
22.11.2020

Piloto da equipe RMattheis foi quem mais marcou pontos na rodada dupla ao conquistar o quarto lugar na prova principal deste domingo e oitavo na prova 2; Pedro Cardoso é destaque ao ganhar 12 posições na corrida 2 para fechar em sétimo, seu melhor resultado na carreira

20.11.2020

Diferença para o líder do campeonato caiu para 31 pontos e 60 estarão em jogo na etapa final, em dezembro, em São Paulo

20.11.2020

Piloto paranaense vem de vitória na etapa passada e promete lutar pelas primeiras posições na corrida deste sábado após cravar o segundo melhor tempo do dia na capital goiana

17.11.2020

Gabriel Casagrande acredita que a tarefa de alcançar o líder da Stock Car é complicada, mas o objetivo é chegar na última etapa em Interlagos com chances de título; Chefe de equipe da RMattheis, Rodolpho Mattheis valorizou a pontuação conquistada pelo paranaense nas últimas etapas