Capa

Matheus Leist

Matheus Leist estreia no IMSA nas 24 Horas de Daytona pela Cadillac

Piloto gaúcho também correrá no IMSA pela Cadillac nas 12 Horas de Sebring, 10 Horas de Road Atlanta (Petit LeMans) e 6h de Watkins Glen

14.12.2019  |  248 visualizações

O brasileiro Matheus Leist foi anunciado neste sábado no time da Cadillac para disputar quatro das principais provas de 2020 do IMSA, campeonato de endurance com carros esportivos e protóprios nos EUA. Com 21 anos de idade, o jovem piloto correrá nas 24 Horas de Daytona, 12 Horas de Sebring, 10 Horas de Road Atlanta (Petit LeMans) e 6h de Watkins Glen em 2020. O gaúcho terá o colombiano Juan Piedrahita de companheiro e o americano Chris Miller como companheiros de equipe.

“Estou muito feliz de entrar para a equipe Cadillac no IMSA em 2020. Eu pilotei pela Chevrolet nos últimos dois anos na Indy e estou super empolgado por permanecer na família GM e agora pilotando um protótipo Cadillac DPi-VR. Estou com uma expectativa muito grande para a estreia, principalmente por ser uma grande oportunidade de correr em Daytona", diz Leist.

Destaque na Indy Lights em 2017 com três vitórias, Leist disputou as duas últimas temporadas da Indy pela AJ Foyt. Esta será a primeira vez que o piloto correrá em um campeonato de protótipos, já que o gaúcho teve toda sua formação nos fórmulas, sendo campeão da F3 Inglesa em 2016.

Após correr dois anos ao lado do brasileiro Tony Kanaan na AJ Foyt, Leist terá outro sul-americano como companheiro de equipe. Piedrahita foi adversário do piloto gaúcho quando Matheus estava em seu primeiro ano nos Estados Unidos.

“É ótimo ter o Matheus junto conosco na equipe este ano. Já nos conhecemos desde quando corríamos um contra o outro na Indy Lights, então será bom tê-lo como companheiro de equipe em 2020”, diz Piedrahita.

Sediada em Minnesota, a equipe oficial da Cadillac no IMSA já venceu as 24 horas de Daytona em 2016, competindo na classe PC. Além disso, o time conquistou dois segundos lugares em sua temporada de estreia no torneio de endurance e terminou na quarta colocação. Desde 2018, a equipe conta com dois carros no grid e venceu as 6 Horas de Watkins Glen justamente no ano passado.

Leia também...
01.11.2019

Arthur fechou sua segunda temporada na F4 Americana com duas vitórias, quatro pódios e quinto lugar no campeonato; em Austin, na etapa final, o piloto gaúcho largou em décimo e chegou em sexto

29.10.2019

Piloto gaúcho venceu duas provas em 2019, é o quinto colocado no campeonato e tentará mais um bom resultado na etapa que encerra a temporada da F4 no Circuito das Américas

22.09.2019

O piloto gaúcho cruzou a linha de chegada na 17a colocação e destacou pontos positivos de 2019, como quarto lugar em Indianápolis

19.09.2019

Jovem piloto de 21 anos cravou o tempo de 1min11s270 no primeiro treino desta sexta-feira; classificatório da Indy em Laguna Seca será neste sábado (21) às 17h35